Pasta de dentes sem flúor, saiba porque fazer essa mudança

Se você está vivendo um momento como o meu, onde, além de todo processo de autoconhecimento, expansão da consciência e espiritualidade, também está parando de colocar produtos sintéticos e tóxicos dentro do seu corpo, (pois acredito que naturalmente uma coisa leva a outra), leia o texto até o final e talvez você descubra mais uma mudança que deve ser feita para ter mais saúde emocional, física e espiritual.

Hoje vou escrever sobre o flúor, que está presente artificialmente no abastecimento público de água, no solo e na “indefesa” pasta de dentes. A fluoretação foi empregada nos anos 40 com a intenção de prevenir cáries, porém a história não é bem assim.

Uma das mudanças que adotei há algum tempo foi usar cremes dentais sem flúor e com maior parte de seus componentes naturais. Aí você pode perguntar: “Mas por que sem flúor? Tooodo mundo diz que precisamos do flúor para não ter cáries!! Aliás o nosso sistema de saúde diz que é importante colocar flúor até na água que chega nas nossas torneiras”.

Bem, para começar eu sou proprietária de uma clínica odontológica em Ilhabela https://www.facebook.com/dra.prilha/ e minha irmã, que é dentista http://www.odontohumanizada.com.br pode confirmar que há muitos anos abolimos a aplicação de flúor em crianças no consultório, porque já ficou comprovado por várias pesquisas que o flúor é mais bandido do que mocinho.

Não irei colocar aqui todos os malefícios do flúor, mesmo porque espero que tirem suas próprias conclusões, pois essa é a verdade que escolhi, e que ressoa positivamente ao meu coração.

Com todas as discussões que existem na internet sobre o tema, indico que pesquisem as declarações de profissionais da área medica como Dr. Lair Ribeiro e Dr. Rondó, que explicam com maestria sobre o assunto.

Pesquise também palavras como “flúor/controle/segunda guerra” e veja para quê, há muito tempo, alguém decidiu que um componente tóxico deveria estar dentro do nosso organismo. Ligue os pontos você mesmo!

Onde entra a espiritualidade nessa história toda?

Se você leu “espiritualidade” no primeiro parágrafo e está se perguntando: “Mas que diabos isso tem a ver com espiritualidade?” Tem tudo a ver! Estudos científicos já comprovaram que o flúor provoca a calcificação da glândula pineal, e quando em excesso no corpo, se aloja na glândula e a calcifica.

A pineal é uma glândula endócrina localizada na região central do cérebro e está ligada ao chakra Frontal ou “terceiro olho” responsável pelas conexões espirituais, inclusive o contato com seu EU superior, pela produção de melatonina que é regula qualidade do sono, além de controle emocional, equilíbrio entre outros.

Como já mencionei aqui, façam suas pesquisas e vejam o que sentem sobre o assunto. Não se desesperem e façam sua transição com calma e consciência. Todos estão em processo, e fazer tudo de uma vez com ansiedade trará um prejuízo maior do que qualquer substância toxica.

Lembrando que o flúor existe de forma naturalmente e em pequenas quantidades não causaria os efeitos danosos que vem causando desde que foi introduzido de forma artificial.

Sugestão de Cremes dentais sem flúor:

Gostaria de ressaltar que não tenho nada a ver com as empresas em questão. Decidi compartilhar porque normalmente, quando estamos em transição para mudança de algum hábito ficamos perdidos e qualquer ajuda é bem vinda certo?

De todas as marcas que testei essas duas foram as que mais gostei:  Creme dental Tea Tree da marca Pura Vida e Gel dental Aloe Mamão da marca Live Aloe ambos com preços entre R$17 e R$21 (preços de abril/2019).

 

Paz profunda!

Paula